Polícia Federal: Expectativa de avanço no pedido de concurso para 1.758 vagas

A Polícia Federal (PF) continua com grandes expectativas sobre o andamento das demandas na pasta responsável pela autorização dos concursos. Uma vez que, já estão no Planejamento, os processos relacionados aos concursos requeridos.

Com a realização deste concurso, a PF pretende ocupar 1.758 cargos, divididos em: 600 vagas para agente, 600 ofertas para escrivão, 491 vagas para delegado e 67 ofertas para perito. Para concorrer aos cargos, exige-se do candidato o nível superior completo. O salário inicial de agente e escrivão é de R$11.897,86 e a remuneração inicial para os cargos de delegado e perito é de R$22.102,37, incluindo o auxílio-alimentação, de R$458.

É importante ressaltar que, a PF não necessita mais da aprovação do Ministério de Planejamento para promover um novo concurso para os cargos policiais desde 2015, o que o órgão precisa é de uma confirmação de disponibilidade para a ocupação das vagas. O que de fato mantém a abertura de novas chances, tendo que esperar somente o reconhecimento do governo federal.

O concurso para os cargos de delegado e perito está no Planejamento desde 2015, apenas o cargo de agente e escrivão foi solicitado no ano passado. As expectativas são que, as seleções sejam aprovadas ainda este ano, devido a carência de pessoal. O cargo de agente, por exemplo, tem a defasagem de mais de 6 mil policiais, conforme a federação da categoria (Fenapef). Dessa forma, espera-se que o lançamento do concurso Polícia Federal 2017 saia o mais rápido possível.

Segundo especialista, o concurseiro que inicia os estudos antes do edital tem 50% mais chance de ser aprovado. O segredo é estudar com apostilas, provas anteriores e exercícios.

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp.
Compartilhar