Grupos e redes de contato digitais ajudam na hora de encontrar trabalho

No mundo dos negócios, construir boas relações é uma atitude essencial para o sucesso. Com o avanço da tecnologia, essas conexões ganharam ainda mais espaço e as redes sociais incrementaram a construção de contatos profissionais (networking) com rapidez e alcance global.

“O networking é justamente essa rede de contatos que pode ser usada para diversos interesses. No mundo virtual, ela perde as limitações de espaço e tempo, você pode conseguir um emprego de forma rápida e em qualquer lugar do mundo”, afirma o CEO da agência digital Equilibra, Pedro Cordier.

Entre as redes mais utilizadas para a ampliação do networking está o LinkedIn, o Facebook, o Instagram e o Whatsapp. No entanto, é necessário saber como se comportar em cada uma delas.

“Não adianta ter muitos contatos e um perfil ruim, isso vai ter efeito contrário, vai afastar pessoas e enfraquecer o networking”, diz Cordier.

Veja dicas de como favorecer sua rede de contatos nas plataformas virtuais no quadro abaixo.

Grupos

Os grupos profissionais no Facebook ou no WhatsApp também são uma ótima forma de expandir as relações no meio virtual. A atendente social Cintia Souza conseguiu todos os seus estágios e até o primeiro emprego sem precisar sair de casa.

“Participo de muitos grupos da minha área. Além de postarem as vagas, que às vezes ninguém está sabendo, acontecem debates enriquecedores e indicações de cursos e palestras que acrescentam na nossa formação”, fala. “Quando você precisa de uma indicação ou de um contato, tem mil pessoas para te ajudar”, completa.

Alexandre Matovani, diretor regional da BNI Brasil, empresa internacional especializada em networking, sinaliza que não adianta sair adicionando várias pessoas, é preciso interagir com elas no inbox, oferecendo ajuda, apresentando projetos, comentando nas postagens ou convidando para eventos.

“O meio digital ainda não se sustenta sozinho. A confiança e a empatia que um encontro físico promove ainda não conseguem ser superadas pelas telas”, destaca.

O presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), Cezar Almeida, ressalta que as indicações são cada vez mais determinantes nas seleções e que o networking ganha uma relevância maior por conta do desemprego no país. Segundo ele, quem constrói bons contatos e cuida da própria imagem nas redes não deve ter problemas para ser reinserido no mercado. Mas para quem não fez isso, ele indica atualizar o perfil e postar com mais frequência nos grupos e perfis.

Estratégias para expandir suas redes de contato nas plataformas digitais

Perfil completo: Mantenha sempre seu perfil atualizado com informações sobre suas experiências de trabalho, formação, cursos extracurriculares, além de projetos e iniciativas próprias.

Assuntos inteligentes: Proponha debates inteligentes e participe dos que aparecerem na sua timeline. Posicionamentos extremos podem indicar que você não é uma boa pessoa para fazer acordos.

Tratamento: Na hora de puxar assuntos com pessoas da sua área seja sempre educado e note se a pessoa de fato está afim de conversar naquele momento.Tome cuidado para não ser invasivo.

Compartilhamento: Compartilhe conteúdos e notícias que sejam relevantes para a sua área. Textos, vídeos e imagens engajam seguidores, levantam discussões e mostram repertório.

Interação: Nos grupos, participe ativamente das conversas e também contribua divulgando vagas, indicando cursos e eventos que possam ser interessantes para o desenvolvimento da profissão.

Eventos: Marque presença em eventos voltados para temáticas da profissão, como palestras, workshops, encontros do grupo e happy hour. A presença física consolida as relações virtuais.

Ortografia: Revise seus textos. Erros de digitação podem fazer pessoas desistirem de te indicar por pensar que você não tem conhecimentos básicos da língua.

Fotos: Não faz mal postar fotos se divertindo em redes sociais como o Instagram e Facebook, mas só postar isso é ruim para a imagem profissional. Utilize os filtros para determinar quem pode acessar fotos específicas.

Reputação online: Montar sites e blogs voltados para a produção de conteúdos forma uma boa reputação digital e seu nome consegue aparecer em destaque nos resultados de buscas no Google.

Compartilhar