INSS suspende 20 mil auxílios-doenças e 22 mil aposentadorias

O Maranhão é o estado da Amazônia Legal com o maior número de auxílios-doença e aposentadorias por invalidez suspensos pelo Instittuto Nacional de Seguro Social (INSS), nos últimos sete meses.

São mais de 20 mil auxílios-doença e outras 22 mil aposentadorias que passaram pelo pente-fino do instituto.

Em toda a região, que abrange nove estados, o número de aposentadorias e auxílios suspensos supera os 144 mil.

Essas pessoas terão que comparecer ao INSS para comprovar as condições de recebimento dos benefícios.

No caso dos aposentados por invalidez, são mais de 1 milhão, em todo o país, com menos de 60 anos e que estão há mais de dois anos sem passar por perícia.

Todos que tiveram os benefícios suspensos vão receber uma comunicação oficial. Recebido este documento, o segurado terá cinco dias úteis para agendar a perícia pelo número 135.

O beneficiário que não atender a convocação ou não comparecer na data agendada terá o benefício cancelado.

O INSS já cancelou mais de 43 mil auxílios-doenças em todo o país, o que gerou uma soma de mais de R$ 715 milhões para o Fundo da Previdência.

Clique aqui e participe do nosso grupo no WhatsApp.
Compartilhar